CAPTAÇÃO PSÍQUICA / APOMETRIA

Terapias de Vidas Passadas através da Captação Psíquica

A técica de Captação Psíquica é utilizada dentro de um tratamento de PH – Psicoterapia Holística.

Na primeira consulta farei uma avaliação sobre os principais aspectos que precisam ser trabalhados e na sequência irei realizar a captação sobre a parte psíquica que mais precisa.

Esta terapia visa a “Harmonização de Vidas Passadas”, memórias de outras vidas ( registros psíquicos ) que estão influenciando a existência atual. Trabalhamos com o objetivo de resignificar suas crenças, memórias, hábitos ultrapassados, apegos, etc.
Esta técnica terapêutica é a mais eficiente entre as outras terapias que trabalho, pois possui neutralidade perante a dinâmica psíquica do atendido. Isso significa que o atendido não consegue se “auto-boicotar” durante o tratamento de harmonização de vidas passadas.
Embora utilizamos o termo“vidas passadas” estamos falando de agora, do presente, pois os distúrbios são apresentados através da “Consciência física” ( o paciente ). Cada existência que temos, fica registrada e na condição de encarnados, devido aos vários estímulos oferecidos no decorrer da vida, estas memórias se deflagram e passam a agir independente da nossa vontade.

ASSISTA ABAIXO ALGUNS CASOS REAIS DE CAPTAÇÃO PSÍQUICA:

Muitas destas memórias são contrárias ao nosso propósito de vida, a exemplo disso, podemos observar os entrelaçamentos familiares. Um irmão que numa determinada vida passada foi inimigo perverso do que hoje é seu irmão atual. Inimigos do passado encarnados num mesmo núcleo familiar. Muitos serão os estímulos entre eles nesta encarnação, devido a proximidade deles. Não havendo uma imunidade psíquica, emocional e espiritual, de certo os inimigos do passado voltam a influenciar de maneira independente. Por mais que o irmão de agora tente agir de maneira prudente, educada e com zelo, receberá uma carga negativa forte para agir de maneira contrária.
Se este exemplo anterior é levado para tratamento com Captação Psíquica, o terapeuta irá buscar a compreensão deste sentimento, sintonizar estas memórias e resignifica-las de acordo com a fixação mental, emocional e espiritual em que estão presas. O resultado é imediato, no mesmo instante estas memórias serão resignificadas.foto_pegadas_na_areia

Quando o assunto é saúde, e na ótica terapêutica, cada pessoa possui suas dores, seus sofrimentos, suas questões, onde procuramos não comparar, e sim tratar cada caso independente, único, com a devida relevância por parte do atendido. Afinal, a maior dor é a nossa dor. Portanto, cada pessoa que nos chega receberá a máxima atenção, desde um problema aparentemente pequeno, até um problema aparentemente grande. Não é possível medir dores e sofrimentos, buscamos tratar desde um sentimento de vazio, indisposição de viver, enfim, vários são os problemas tratados através da Captação Psíquica.
Trabalhar a saúde de maneira preventiva é uma escolha cada vez mais presente no dia a dia dos Ocidentais. O mesmo podemos buscar quando estamos tomando decisões importantes como mudança de emprego, de relacionamento afetivo, de ingresso profissional e estudantil, de sociedade, assumir vida empreendedora, enfim, decisões importantes que merecem certos cuidados e um olhar mais profundo.
O custo benefício é incalculável, pois os resultados que buscamos não são passíveis de preço. Como calcular o preço de uma vida saudável com a família, com o cônjuge, com os filhos, no ambiente de trabalho, em sociedade, e principalmente, consigo mesmo.fé

Não existem segredos nesta terapêutica, todo seu trabalho é fundamentado por Mestres, filósofos, psicanalistas, psicoterapeutas, ensinamentos espiritualistas, esotéricos, livres de religião, isso mesmo, basta você compreender sobre reencarnação e estarás apto ou apta para ser tratado. Para nós não é mais surpresa sermos procurados por pessoas que atualmente frequentam Instituições Religiosas Evangélicas, Católicas, Espíritas, Budistas, Umbanda, e estas pessoas continuam em suas crenças e ritos, nós não vendemos filosofias, mas buscamos tartamento.
Falamos de tratamento psicoterápico pois a Captação Psíquica é uma Técnica Terapêutica Integrativa de Consciência que trabalha sobre a causa. Uma mágoa sofrida hoje, nesta vida, pode acordar uma mágoa sofrida numa vida passada. Esta mágoa se somatiza, ela é uma energia, representada como sendo um sentimento. Se esta energia não for resignificada, poderá ser materializada no corpo físico de forma patológica.
Neste caso, a Captação Psíquica alivia a mágoa de uma outra existência e o próprio atendido resignifica a mágoa desta atual existência. Nosso trabalho segue orientações maiores, não é possível violarmos a lei do karma e nem a lei do livre arbítrio. Fica por aqui a dúvida disso. Bem disse Chico Xavier que “tudo que é nosso encontrarás uma maneira de chegar até nós”…e Jesus disse: “Conheça a verdade e a verdade vos libertarás”
O foco de nossa terapêutica é trabalhar sobre as feridas, sobre os machucados mais íntimos que uma pessoa pode carregar por milênios, a constatação disso é tão eficaz que altera todo o seu padrão de percepção do mundo. Dizia Carl Jung: “nascemos originais e morremos cópias”.

Esta terapêutica contempla entre seus benefícios, um benefício fantástico que é o da busca do “self”, um encontro consigo mesmo. Trabalhamos a harmonização de periféricos que bloqueiam nossas vistas, nos distanciam de nós mesmos. Se despir de muitos preconceitos, fixações mentais, emocionais, sentimentais e espirituais é a receita de várias filosofias, todas dizem as mesmas coisas, mas a pergunta é: Onde apertamos o botão da tão falada reforma íntima? Esta resposta gira em torno de receitas de boa conduta e moral, mas na prática pouco se fala nisso. Fica difícil caminharmos de encontro para com esta reforma íntima se temos em nossas faixas egoicas Personalidades desprendidas destes valores morais.
Memórias de outras vidas que vibram em nós vontade de matar, de agredir, de fazer da sexualidade uma culpa, ou uma prática desregrada sem ao menos princípios de saúde e higiene, personalidades que nos incita a prejudicar o outro, a ser desonesto, egoísta, a buscar pelo Deus dinheiro, a fixar anos e anos em torno de uma mágoa, ou mesmo cegos sem percebermos a maldade alheia, as várias ações de “auto-boicote” e pactos que fazemos consigo mesmos.

E não acaba por aqui, pois não sabemos lidar com o orgulho tóxico, com a arrogância, prepotência, afinal, existências nossas nestas faixas vibracionais encontram estímulos diários para se deflagrarem.
Habitualmente, e isso sofre um aspecto cultural, totalmente ligado num sistema de crença, somos automatizados a procurar fora pelo responsável de determinado problema ou dificuldade. Este estado de consciência vem sendo condicionado à milênios a agir desta forma. Não é fácil se desprender deste automatismo. Só consegue isso aquele que tem muito amor por si mesmo e percebe que “mesmas pessoas fazendo as mesmas coisas chegarão aos mesmos lugares”.
O ser humano viaja por vários países, continentes, já foi inclusive até a Lua, mas ele tem muita dificuldade de fazer a viajem mais importante do seu SER, a viajem dentro de si mesmo. Este corpo físico é uma roupa temporária, veja se admitimos nossas fotografias ou filmagens, nunca estamos satisfeitos, nós não somos só isso, não temos apenas a matéria, ela só nos apresenta parte de um SER Multidimensional. Jesus disse: “Vós sois Deuses”, temos dentro de cada um de nós a Centelha divina, somos co-criadores, e assim sendo, podemos criar tudo o que há de bom e tudo o que há de ruim em nossas vidas.
Nossa oportunidade enquanto encarnado nos permite pilotar esta nave durante um período chamado vida, se com muitos esclarecimentos e estudos já é difícil, imagina na condição de ignorantes. O ignorante ele faz isso, ignora, não busca pelo auto-conhecimento, até porque ele sabe que dá trabalho. Ele percebe que é mais fácil gastar energia criticando, julgando e condenando os outros. Nunca em hipótese alguma ele poderá admitir meia dúzia das palavras que aqui eu disse, se isso ele fizer, terá que rever todo o seu intelecto, todos os seus equívocos filosóficos, geralmente determinado por alguma doutrina manipulativa de consciências. São filosofias que incutem idéias e que pensam pelas pessoas, violam o direito da expressão alheia.
Na prática, a Captação Psíquica é realizada por uma dupla de terapeutas, sendo que um é o captador e o outro o esclarecedor. Durante todo o atendimento o atendido assiste a seção e possivelmente interage que suas memórias de outras vidas.
Imagina que nosso trabalho é em torno de informações vibracionais, informações que são irradiadas à partir de cada um de nós. Não adianta esconder os mais íntimos sentimentos, pois durante a captação eles serão materializados através da sintonia mental do captador e do esclarecedor. Muitas vezes nem percebemos que vibramos aquilo que é trazido, mas no decorrer da consulta, da fala, da maneira de ver o mundo, e dos sentimentos que são aflorados, nos identificamos de imediato ou repudiamos no mesmo instante. Faz parte do tratamento degustar estas informações, e o terapeuta profissional trabalha a cerca deste material terapêutico, direcionando o tratamento, apontando necessidades de mudanças a cerca de determinadas posturas e posicionamentos.
Qual a diferença entre a Terapia de Vidas Passadas através da REGRESSÃO ou através da CAPTAÇÃO PSÍQUICA ?
A terapêutica através da Regressão implica na condição de que o próprio atendido irá visualizar e sentir a sua vida passada, enquanto que através da captação psíquica quem sintoniza a vida passada é o terapeuta.
Qual é a melhor técnica terapêutica?
Cabe ao Terapeuta profissional avaliar qual a melhor técnica a ser aplicada. Esta avaliação é subjetiva, ou seja, o que serve para um não necessariamente serve para o outro. Além de avaliar as circunstâncias, aspectos a serem tratados e outras variantes que somente o Terapeuta tem condições de apontar. Um importante entendimento da dinâmica psíquica do atendido oferece condições desta decisão.
Abaixo iremos falar um pouco sobre Personalidades Múltiplas e SubPersonalidades, através de um material extraído do site da Holus Editora de domínio do Psicoterapeuta e Pesquisador J.S.Godinho. As informações possuem linguagem técnica e seguem um raciocínio lógico e coerente, motivo este que me leva a manter a integridade das observações e estudos relatados pelo pesquisador.
Personalidades Múltiplas

Personalidades Múltiplas (anímicas) são as personalidades construídas e vividas em outras existências. Possuem nome, sobrenome, títulos, têm opiniões próprias, defendem patrimônios, idéias e vestem-se com roupas da época; geralmente apresentam idade e até polaridade sexual diferente da personalidade atual. Podem ser ouvidas e questionadas por qualquer pessoa e, observadas por aqueles que são sensitivos ou médiuns, que tem o dom da vidência ou percepções extra-sensoriais aguçadas. Devido a continuidade da vida após o processo da morte do corpo físico, muitas ainda nem se deram conta que desencarnaram daquele corpo que não mais existe, embora já estejam ligadas a um outro (novo) corpo físico, ou então, mesmo se dando conta, preferiram ignorar a sua situação e viver uma vida separada e dissociada do núcleo consciencial.

As Subpersonalidades

As “subpersonalidades” (fenômeno personímico) são desdobramentos do bloco de ego, ou projeções da atual personalidade. Foram observadas e estudadas por Pierre Janet em 1898, quando, inclusive chegou a propor um modelo dissociativo da psique, defendendo a idéia de que “a consciência pode dividir-se em partes autônomas, de sofisticação e abrangência variadas”.

Este estudo foi ampliado por Jung, ao tratar os complexos. Entendia ele que “os vários grupos de conteúdos psíquicos ao desvincular-se da consciência, passam para o inconsciente, onde continuam, numa existência relativamente autônoma, a influir sobre a conduta”.

Influências que causam

Personalidades Múltiplas e Subpersonalidades podem influenciar a personalidade física
de forma negativa ou positiva produzindo:

• Idéias confusas ou iluminadas.
• Pensamentos deturpados ou aformoseados.
• Desejos inferiores ou superiores.
• Sentimentos desalinhados ou alinhados.
• Vontade débil ou forte.
• Decisão frouxa ou determinada.
• Ação reativa ou ativa.
• Comportamento inadequado ou adequado.
• Aparência senil, infantil, doentia ou saudável.
• Atitudes incoerentes ou coerentes.
Etc.
Conforme Jung, “tudo isso se explica pelo fato de a chamada unidade da consciência ser mera ilusão. (…). Somos atrapalhados por esses pequenos demônios, os nossos complexos. Eles são grupos autônomos de associações, com tendência de movimento próprio, de viverem sua vida independentemente de nossa intenção. Continuo afirmando que o nosso inconsciente pessoal e o inconsciente coletivo constituem um indefinido, porque desconhecido, número de complexos ou de personalidades fragmentárias.” (Jung, Carl Gustav, Fundamentos de Psicologia Analítica.Editora Vozes, 4ºed. páginas 67 e 68).
Observações: Sugestão de vídeo relacionado à este assunto, trata-se de um curta de 5 minutos, vale a pena assistir…


Continuo com minhas considerações pessoais:
O tratamento: O objetivo do tratamento é harmonizar sentidos relacionados ao Medo, Culpa, Vergonha, Mágoas, Mentiras, Ilusão, Apego.
Não podemos afirmar qual o tempo necessário de tratamento, pois voltamos aqui na questão relacionada a individualidade de cada um. Uns precisam atravessar por este deserto de maneira rápida, breve, objetiva, enquanto que outros precisam sentir mais o calor, a aridez, a sede. Porém, quem define o tempo do tratamento sem dúvida nenhuma é o próprio atendido. Logo a alta é compartilhada entre terapeuta e atendido. Os resultados são satisfatórios e determinados aspectos já são resignificados nas primeiras consultas.
Toda e qualquer queixa pode ser observada através da Captação Psíquica, desde um problema no corpo físico, ou mesmo um sentimento, um comportamento, relações afetivas, desequilíbrios e oscilações energéticas, desorientação, baixa-autoestima, arrogância, orgulho tóxico, prepotência, dificuldades financeiras, repetição de ciclos, influências espirituais ( até porque seres obsessores buscam sustentação num psiquismo mal formulado ).
Esta terapia é holística, temos por obrigação dizer que não é nosso objetivo subestimar ou substituir tratamentos convencionais. Não dispensamos nenhum outro tratamento que o atendido esteja realizando, seja em instância psiquiátrica ou psicológica. Porém, muitos são os resultados trazidos por esta terapêutica que visa explicar e tratar de maneira rápida e eficaz determinadas questões.
Pedimos para que você leia todas as informações aqui colocadas, assista nosso vídeo e fique à vontade para nos enviar o seu relato a cerca do seu problema.
Agende uma consulta em Jundiaí , mas se você quiser economizar tempo e gastos com ir e vir, atendemos com Captação Psíquica através de vídeo conferência. Os resultados são os mesmos, são satisfatórios e sua interação durante a consulta será a mesma.
Embora o tratamento alcança profundidades terapêuticas únicas, não trata-se de uma consulta perigosa, não oferece riscos a saúde e muito pelo contrário, busca amenizar e tratar sofrimentos. É sem dúvida nenhuma um dos melhores recursos de práticas integrativas de consciências que temos relacionados

ONLINE, através do: ( duo/skype/mensseger/whatsapp ).

Em Jundiaí NOVO LOCAL, na Avenida Fulamina Matar, 348, Jardim Pacaembu, no IES – Instituto de Educação da Sensitividade – Unidade Jundiaí.

Em São Paulo, Avenida Paulista 1.159 enfrente a estação Trianon Masp.

Em Campinas, Rua Frei Antonio de Pádua, 455 Jardim Guanabara.

FREQUÊNCIA: no mínimo uma e no máximo quatro vezes no mês.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s